Fortaleza Nobre | Resgatando a Fortaleza antiga : Correio do Ceará [notification_tip][/notification_tip]
Fortaleza, uma cidade em TrAnSfOrMaÇãO!!!


Blog sobre essa linda cidade, com suas praias maravilhosas, seu povo acolhedor e seus bairros históricos.


segunda-feira, 23 de abril de 2012

Correio do Ceará


Os jornais "Correio do Ceará" e "Unitário", começaram de iniciativa particular e depois parteceram aos Diários Associados. Funcionavam em redação na Rua Senador Pompeu (Quase todos os jornais de Fortaleza ficavam nessa rua) mas foram vendidos para a empresa Ultralimpo na década de 70 e ficaram instalados neste prédio na Rua Visconde de Mauá, em frente à atual Praça da Imprensa, época em que surgiu o jornal "Meio Dia". Arquivo Nirez

O Correio do Ceará é um tradicional jornal de Fortaleza. Foi fundado em 2 de março de 1915 por Álvaro da Cunha Mendes*, mais conhecido por A. C. Mendes, empresário do ramo gráfico. A partir de 1937 passou a ser integrante do Diários Associados. Antônio Moreira Albuquerque, jornalista que nasceu em Granja (01 de jan. de 1918) e faleceu em Fortaleza (1998), foi secretário do "Correio do Ceará" por vários anos nas décadas de 50 e 60. Ficando no Correio do Ceará até dezembro de 1967, quando então se muda para São Paulo com a família.


Sr. A. C. Mendes, fundador e diretor do Correio do Ceará

O jornal deixou de circular em dezembro de 1982, e a última edição foi a de número 19.962. Em março de 2006, quando comemorou 91 anos da fundação, o Correio do Ceará voltou a circular, inicialmente com edições especiais, sendo a primeira a edição de número 19.963.


 
Correio do Ceará de 27 de junho de  1955 sobre o triunfo da Miss Brasil Emília Corrêa Lima

O Jornal Correio do Ceará de 1969, trazia a Miss Ceará daquele ano, a  bela Vera Lúcia Camelo - Arquivo Fernando Bandeira

Fatos Históricos:

  • 02 de março de 1915 - Surge o primeiro número do jornal Correio do Ceará, de Álvaro da Cunha Mendes (A. C. Mendes), com sede na Rua Conde D'Eu nº 183. Em 1937 foi adquirido pelos Diários Associados. 

  • 11 de dezembro de 1926 - Instituído, pelo jornal Correio do Ceará, o concurso da Rainha dos Estudantes.

  • 12 de janeiro de 1927 - Proclamada Rainha dos Estudantes do Ceará, a senhorita Suzana de Alencar Guimarães, que obteve 6.995 votos, ficando em segundo lugar Hortência J. Alencar, com 3.302 votos e em terceiro Ester Corrêa, com 1.370 votos. O concurso foi instituído pelo jornal Correio do Ceará.

  • 16 de maio de 1937 - O jornal Correio do Ceará é incorporado ao grupo Diários Associados, de Francisco de Assis Chateaubriand Bandeira de Melo.

  • 02 de outubro de 1937 - Morre, no Sanatório de Messejana, aos 65 anos de idade, Álvaro da Cunha Mendes (A. C. Mendes), fundador e antigo proprietário do jornal Correio do Ceará. Hoje é nome de rua na Vila Peri. O Estabelecimento Gráfico A. C. Mendes, na Rua Conde D`Eu nº 541, passa para a firma Bezerra & Braga.

  • 16 de fevereiro de 1982 - O jornal Correio do Ceará passa a ser impresso pela Editora Gráfica Meio-Dia, pertencente ao grupo Ultralimpo Empreendimentos, que há dois anos vem editando o Jornal Meio Dia.

Capa do jornal Correio do Ceará de 06 de janeiro de 1971 - Arquivo Pedro Paulo Paulino

Notícias do túnel do Tempo...
(Grafia da época)

Correio do Ceará, p. 04 de 23/11/1966
NOTA AO PÚBLICO - EMPRESA EXPRESSO CEARENSE

Linhas: - Fortaleza-Rio e Fortaleza-São Paulo
 Avisa ao público, que por todo mês de dezembro, receberá mais algumas unidades de ônibus da conhecida linha Ciferal, com as seguintes condições de conforto: Cabinete do motorista isolada, poltronas anatômicas reclináveis, instalação de rádio receptor e comunicação interna, luzes e cinzeiros individuais e instalação de Toillete completo.

Avisa ainda que por ocasião desse novo lançamento de ônibus, modificará também os sistemas de viagens ou seja, realizações das mesmas sem pernoite, oferecendo menor despesas para seus preferentes. 


 

Correio do Ceará, p. 07 de 10/07/1969
EXPRESSO CEARENSE PROMOVE COQUETEL NO CLUBE DE REGATAS – NOVOS ÔNIBUS

No próximo sábado, ás 19 horas, no Clube de Regatas Barra do Ceará, terá lugar o coquetel de lançamento de quatro moderníssimos ônibus leitos, de uma série de oito, que acabam de ser adquiridos pela Empresa Expresso Cearense, na Imperial Diesel, concessionária Mercedes Benz em Recife.

Com o espírito voltado para a integração nacional, o Sr. Nathan Gomes Botelho entrega ao público cearense mais oito moderníssimos veículos Mercedes Benz 0326 (ônibus do padre) a última palavra em se tratando de conforto para servirem às linhas Fortaleza-Rio e São Paulo. Autoridades, jornalistas, convidados especiais, inclusive caravana da Imperial Diesel de Recife estarão presentes às solenidades que traduzem mais um marco de pioneirismo do Sr. Nathan Gomes Botelho, proprietário da Expresso Cearense.


Correio do Ceará, p. 08 de 10/05/1971
2 ÔNIBUS VIRAM NA BR-116

Dois desastres com ônibus ocorreram na madrugada de hoje na rodovia BR-116 entre as cidades de Russas e Jaguaribe, saindo 15 pessoas feridas, todas elas medicadas no hospital de Russas.

O primeiro ocorreu com um ônibus da Expresso Cearense, que havia deixado hoje Fortaleza com destino ao Rio de Janeiro e que virou 5 quilômetros depois da cidade de Russas, saindo apenas 3 pessoas com ferimentos e somente Antônio Pereira da Silva ficou internado.

O segundo verificou-se na localidade de Castanhão, com um ônibus da Empresa Rápido Juazeiro, que vinha daquela cidade para Fortaleza e dali havia saído ás 19 horas de ontem, devendo chegar à esta Capital ás 6 horas de hoje.

Neste segundo desastre, saíram feridas 13 pessoas, sendo que apenas duas estão internadas no hospital de Russas. São elas Nelson Rolim Pereira e Laudelino Alves Grangeiro.

PRECIPITOU-SE NUM ABISMO

Por volta das 3 horas de hoje, o ônibus que vinha de Juazeiro, desenvolvendo grande velocidade, ao chegar a Castanhão, numa curva, precipitou-se num abismo e caiu dentro de um pequeno açude, sem que se verificassem vítimas fatais.

Os passageiros foram socorridos pelas pessoas que viajavam num ônibus da Expresso Rio Negro, algumas delas retiradas de dentro da água.

Segundo colheu a reportagem, um cochilo dado pelo motorista, de .... quando entrou numa curva ocasionndo o acidente.

Saíram feridas as seguintes pessoas: Valdemar Martins de Morais, ... Pereira Salmito, Oswaldo Martins, João Batista Neto, Juscelino Aguiar, Juvaneide Almeida de ... Jacó de Carvalho, José Alves de ... Furtado de Lacerda, Agostinho da Silva, José Dalcides Kouras e Alberto da Silva.

 

*Álvaro da Cunha Mendes nasceu em Maranguape no dia 7 de julho de 1873 e faleceu em Fortaleza, em 2 de outubro de 1937. Foi o fundador do jornal Correio do Ceará em 2 de Março de 1915.

Era filho de Manuel Cesário Mendes e de Francisca da Cunha Mendes, e sobrinho, por parte de pai, dos fundadores do Ateneu Cearense, os notáveis educadores e irmãos João Araújo e Manoel Teófilo da Costa Mendes, além do Padre Francisco Inácio da Costa Mendes. Teve duas filhas: Estephania da Cunha Mendes e Maria Helena da Cunha Mendes que casou-se com Antônio de Oliveira Braga que é tio do Professor Historiador Gustavo Braga.



No dia 27 de julho de 1926 foi preso, pelas forças federais, o jornalista Álvaro da Cunha Mendes (A. C. Mendes), enquadrado por crime capitulado na Lei de Imprensa, por publicação de um artigo, denunciando corrupção na Inspetoria Federal de Obras contra as Secas - IFOCS. Sua prisão foi no quartel do 23º Batalhão de Caçadores - 23BC, na Avenida Alberto Nepomuceno, hoje quartel general da 10ª Região Militar - 10ª RM. Era o governo Artur Bernardes, no qual Francisco Sá era ministro da Viação e Obras Públicas a quem era afeto a IFOCS. A foto mostra um dos momentos fotografados na ocasião, desta feita na Rua General Bezerril. O fotógrafo está de costas para o quartel e a praça que vemos é a Praça da Sé e os prédios por trás, um é o da esquina do prosseguimento da rua e o último, é o Palacete Brasil, na Praça General Tibúrcio. Arquivo Nirez

Em artigo publicado no jornal CORREIO DO CEARÁ, no dia 5 de junho de 1965, Geraldo da Silva Nobre, citando o historiador Raimundo Girão e Antônio Martins Filho, diz que um irmão de Álvaro Mendes, Antônio da Cunha Mendes, era bacharel em direito e exerceu, com êxito, a advocacia no Rio de Janeiro e São Paulo. De acordo com o historiador, Antônio Mendes fundou a "Revista do Brasil", que tratava de literatura, exaltando o Ceará no sul do país. Citando o "Dicionário Bio-bibliográfico Cearense" de Barão de Studart, ainda tratando dos irmãos Mendes, o historiador informa que eles eram filhos de pessoas de família "das mais distintas" do Ceará.



x_3c5d84e9

Créditos: Wikipédia, Cronologia Ilustrada de Fortaleza de Miguel Ângelo de Azevedo e Cepimar

4 comentários:

  1. Leila, sou filha de Antônio Moreira Albuquerque, peço que corrija uma informação -- ele trabalhou no Correio do Ceará nas décadas de 1950 e 1960, até dezembro de 1967, quando então mudou-se com a família para São Paulo, capital.
    Obrigada, eu já fiz a correção na wikipedia
    Eliana Sá de Albuquerque Araujo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada por avisar, Eliana, já fiz a correção!

      Abraços

      Excluir
  2. Onde é possível consultar o acervo do correio do ceará? On line? em alguma biblioteca do ceará?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na Associação Cearense de Imprensa. Fica na rua Floriano Peixoto, no centro de Fortaleza.

      Excluir

NOTÍCIAS DA FORTALEZA ANTIGA: