Fortaleza Nobre | Resgatando a Fortaleza antiga : Tiririca - Um vitorioso! [notification_tip][/notification_tip]
Fortaleza, uma cidade em TrAnSfOrMaÇãO!!!


Blog sobre essa linda cidade, com suas praias maravilhosas, seu povo acolhedor e seus bairros históricos.


segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Tiririca - Um vitorioso!



Reportagem de 15/3/1983 caderno 2:

“É difícil a vida no circo pequeno. Tem praça que a gente passa um mês, dois meses. Mas tem outras que não dá nada. A gente passa só três dias. Aqui, no Circo Real Madri, ganho pouco, mas está dando para ir. Não pago INPS, não tenho qualquer tipo de segurança. Mas o que vou fazer? Eu gosto de fazer os outro ri. Eu quero morrer palhaço”.

Crédito ao  blog singular e coisa e tal


O depoimento está contido na reportagem que fiz para o jornal O Povo, publicada no dia 15/3/1983. Era a primeira entrevista que Tiririca dava à imprensa, à época, ele, 17 anos de idade, a estrela do Real Madri, circo sem lona de cobertura.
Fiz a reportagem, juntamente com o fotógrafo Levi Fonseca. Procuramos um circo mambembe, e localizamos um, instalado no Parque São José, na periferia de Fortaleza.
Revendo, nos meus guardados (matérias que escrevi, à época de repórter) encontrei a que fiz, por acaso, com o cidadão Everardo Oliveira. Hoje, o famoso Tiririca.
A vida que segue.


No vídeo abaixo, mostra que Tiririca continua usando os mesmos artifícios cênicos que aprendeu no circo: o coadjuvante, “escada”, começa a contar uma história e o palhaço, nem aí, deturpando a fala do interlocutor, com palavras de duplo sentido, algumas pornográficas. A tática é infalível para a plateia cair na gargalhada.


É uma prova de que o circo não morreu, fazendo sucesso na televisão, e agora, no You Tube.

Eliézer Rodrigues


Levante a mão quem não lembra de quando esse cearense de Itapipoca estourou na TV brasileira cantando o hit ´Florentina´. De repente, Tiririca deixou as barracas de praia e restaurantes de Fortaleza, onde se apresentava regularmente, e deu sorte no eixo Rio-São Paulo.

Pelas bandas de lá, seu estilo irreverente (tanto no vestir quanto no falar e cantar) conquistou a mídia e o público. O resultado? Sucesso!

Com o primeiro CD, gravado nos anos 90 pela Sony Music, conquistou todo o Brasil com a música "Florentina". Participou de diversos programas de TV. Hoje já são cinco CDs gravados, um livro de piadas editado e Everardo é contratado fixo de uma emissora.

"O humor cearense já era forte e com a abertura em nível nacional, o público de outras cidades passou a ter acesso à nossa forma de fazer rir. Você não via em outras cidades esse tipo de humor que é feito aqui. Tanto é que participando de concursos de humor, os cearenses sempre se destacam", diz Everardo, ressaltando que a nossa maneira de fazer graça atinge todas as idades e classes sociais.

Tiririca 13/11/1994- Foto de Davi Barbosa

Ele nasceu no dia primeiro de maio de 1965, em Itapipoca. O município, que em tupi significa pedra lascada, fica no litoral oeste cearense e é conhecido como "cidade dos três climas", porque abrange sertão, serra e mar.

Ele começou a trabalhar aos 8 anos de idade nos picadeiros. Largou a família e foi embora com o circo que passava pela cidade. O apelido Tiririca foi dado pela mãe. Era assim que ela o chamava quando o filho estava zangado.

Tiririca começou como trapezista. Depois, foi malabarista e mágico. Um dia o palhaço oficial do circo faltou e ele ocupou seu lugar. Agradou tanto, das crianças aos idosos, que, com o passar do tempo, se tornou o palhaço mais requisitado do Ceará.

Fez sucesso se apresentando nas tendas de praia de Fortaleza. Com a ajuda dos donos dessas barracas, conseguiu gravar um CD, cujo carro-chefe era a música Florentina, que o tornou conhecido nacionalmente.


O primeiro CD também causou polêmica, por conta da música Veja os Cabelos Dela, considerada racista, já que o tal cabelo "parece bombril, de ariá panela". Os discos foram apreendidos, a execução das canções pelas rádios foi proibida e Tiririca, processado. Ele acabou sendo absolvido da acusação.

Circo mambembe

Tiririca teve seu próprio circo. Nada muito luxuoso. Circo mambembe, de poeira, sem lona, que era armado nos terrenos baldios dos bairros periféricos de Fortaleza. Era uma espécie de faz-tudo: administrador, apresentador, trapezista. Mas sua maior especialidade era mesmo arrancar risadas da plateia.

O estadão



"Eu sou de Itapipoca, mas foi em Fortaleza que a minha carreira começou e onde o público me conheceu. Esta cidade tem um peso na minha carreira, foi onde fiz minha vida. Quando meu filho (Everson) sugeriu a gravação do primeiro DVD, achei que era uma boa oportunidade para brindar quem primeiro me deu oportunidade", conta Tiririca

Francisco Everardo Oliveira Silva, mais conhecido como Tiririca, ganhou o apelido pela própria mãe, pois vivia emburrado e mal humorado. Ele nasceu no interior do Estado do Ceará, numa cidade chamada Itapipoca. 

Criado por sua mãe Maria Alice, Tiririca possui sete irmãos. Começou a trabalhar cedo, foi vendedor de algodão doce e picolé e sua carreira como palhaço iniciou no circo, atuando como equilibrista, malabarista e mágico. Num belo dia, quando o palhaço oficial do circo não apareceu na apresentação sua mãe decidiu: vá você Tiririca

Foi assim, o início da carreira humorística de Everardo, que demonstrou, ainda criança, ter o dom de agradar as pessoas com suas brincadeiras. Aos 16 anos de idade, saiu de casa e teve seu próprio circo que percorreu todo o estado do Ceará. Até que um dia colocaram fogo no seu circo. Esse episódio foi muito triste. 

Ele viu todo o seu esforço, toda a sua batalha e a sua história indo embora com aquele fogo. Tiririca passou fome, mas não desistiu de lutar. Com a ajuda de amigos e dos próprios fãs que o acompanhavam, reergueu lona, palco, ganhou roupas, montou seu show de humor e percorreu todo o território nordestino. 

Com seu talento nato, seu jeitinho inocente, sua alegria contagiante e sua criatividade conquistaram cada vez mais pessoas. Foi nessa época, nos anos 90, que Tiririca chegou ao auge de sua carreira.  


Conseguiu gravadora, ganhou disco de ouro e diamante, e assim ficou conhecido nacionalmente e internacionalmente.Teve seu próprio programa “A Vila do Tiririca”, participou da “Escolinha do Barulho”, foi figura carimbada no programa a “A Praça é Nossa” e hoje está contratado pela Rede Record de Televisão no Show do Tom, seu amigo pessoal . Essa é Minha História, minha vida. 

Vila do tiririca

Conforme o próprio nome afirma, o programa era ambientado em uma vila onde nela morava o famoso personagem Tiririca. Na extinta Rede Manchete.


“Se você tem fé em Deus e trabalha honestamente, consegue seus objetivos, tenho muita fé em Deus, e é por isso que estou aqui”. Tiririca






Depoimento da Mãe



"Fui eu quem coloquei esse apelido de Tiririca no meu filho, porque quando ele era pequeno só vivia ”tiririca da vida”, emburrado e mal humorado. Ele  foi criado pelo padrasto que não aceitava ele ser filho de outro homem e batia e maltratava muito meu filho.  


Desde pequeno meu filho é trabalhador. Começou  na luta aos oito anos de idade. Já vendeu picolé nas ruas, algodão doce, vassouras e rodos, maçã do amor, porque passamos muita fome. Não tínhamos nada para comer e a gente ia nos lixões para ver se a gente encontrava alguma coisa.  


Eu lembro que teve uma vez que o palhaço oficial do circo não apareceu e eu improvisei a roupa e Tiririca se apresentou como palhaço. Ele agradou tanto a platéia que continuou se vestindo. 


Ali ele vivia sua infância trabalhando e transmitindo alegria ao mesmo tempo. Um dia ele me falou: mãe quando eu vencer a primeira coisa que eu vou  fazer é comprar a sua casa. E cumpriu a promessa. Nunca nos desamparou, nem a mim e os irmãos e até hoje me ajuda. 


Tenho muito orgulho do meu filho, não só por ele ser o tiririca,mas por nunca ter se envolvido com coisas erradas e ser trabalhador e um bom pai. "             Maria Alice 



 Depoimento da Esposa


"Estamos casados há 13 anos. Temos uma filha e ajudei a criar três enteados que vieram bem pequenos morar com a gente e hoje já são adolescentes.


Agradeço todos os dias a Deus por ter colocado no meu caminho essa pessoa tão maravilhosa. Bom pai, bom marido e bom filho. 


Tem um caráter excepcional, não sei se é qualidade ou defeito,mas é muito franco, direto e sincero. É transparente, quando está feliz ou triste sua cara mostra, pois ele não sabe fingir.


É alegre e tímido ao mesmo tempo. Ele precisa conhecer muito a pessoa para ficar à vontade. Detesta falsidade e jamais fez média para conseguir alguma coisa. Ele é muito família, vive para o trabalho e para a família. Tirirca é uma pessoa tão boa que passa energias positivas a todos que estão ao seu redor." 


Nana Magalhães



Filhos do Tiririca- Florentina Evellyn 13 Anos, Erilandya 19 Anos, Antônio Everardo 14 Anos e Nanda Kaunny -1 Ano e Três Meses



Francisco Everardo e família

O  padrinho de Tiririca, ou melhor, de Francisco Everardo Oliveira Silva mostra à reportagem a casa onde morou o artista. “Isso aqui era uma bodega velha, antiga”, diz o padrinho, apontando para o imóvel. Muito pobre, a família morava de favor. Quando Seu Francisco ia buscar o pequeno artista para as apresentações no circo, ele conta que encontrava a seguinte cena: “A mãe dizia: ‘Não pode ir agora não que ele está fazendo dever’. Bichinho deitado no chão, escrevendo as coisas”, relembra.

Não há registro do aluno Francisco Everardo Oliveira Silva nas escolas de Itapipoca, mas os moradores contam que, na época dele, era comum ter aulas em casa ou então no antigo Movimento Brasileiro de Alfabetização (Mobral), onde os alunos tinham aula fora da escola.

“Eu sei que a gente estudava junto. Tinha uma professora que vinha para a casa da gente. Naquele tempo, não tinha negócio de colégio de estado, de prefeitura. Não existia isso, não”, afirma a agricultora Maria Socorro Sombra.

O ex-prefeito de Itapipoca Paulo Maciel, de 73 anos, lembra que o pai de Tiririca, Fernando Oliveira Silva, ensinou o hoje deputado federal a trabalhar no circo.
A mãe do humorista, Maria Alice da Silva, também atuava. Tiririca ajudava os políticos da época a atrair eleitores para comícios, com piadas fortes. “Eles eram uma família muito pobre, passavam até fome, porque o dinheiro do circo não dava. E a gente procurava ajudar.” Quando não estava no circo, a família ficava em frente à prefeitura em busca de oportunidades de pequenos trabalhos ou de acesso ao cafezinho do expediente.

Menino-cachorro

O circo mambembe da família de Tiririca era ainda alvo de espectadores insatisfeitos com as bricandeiras. “Chamavam para ver o menino que virava cachorro. Aí aparecia o Tiririca com um cachorro pequeno na mão e virava o bicho. Às vezes chamavam para ver a mulher que virava peixe e aí a mãe do Tiririca aparecia com um peixe na frigideira. O povo quebrava tudo”, lembrou.

Franciné Rodrigues de Souza, de 41 anos, que disse ser primo distante de Tiririca, lembrou que o circo de Tiririca ficava no bairro Boa Vista ao lado do estádio e no terreno onde hoje funciona o Colégio Paraíso do Saber. “Tinha um espaço ali. O circo era ali”. Tiririca estava sempre mudando de lugar. “Ele morou também no bairro Ladeira, depois morou entre os bairros Picos e Jenipapo”, disse.
Morador nos Picos, bairro da periferia da cidade conhecido por este nome por causa das montanhas pontiagudas de mata agreste, o pastor de cabras José Américo de Lima Teixeira, o Miudinho, de 67 anos, disse que jogava bola com Tiririca perto da estação de trem. “Ele sempre morou nos Picos, mas sempre estava no centro de Itapipoca”, afirmou. 

Matéria do Site LideBrasil




Lançamento em Juazeiro do Norte

Tiririca e o filho Tirulipa no programa Fábio Jr 


Tiririca - Ator de novela


Florentina




Em 2010, Tiririca lançou sua candidatura para deputado federal pelo estado de São Paulo por meio do Partido da República. Utilizou bordões como "O que é que faz um deputado federal? Na realidade, eu não sei. Mas vote em mim que eu te conto", ou "Pior do que tá não fica, vote Tiririca". No dia 3 de outubro de 2010 Tiririca torna-se o Deputado Federal mais votado do Brasil e eleito pelo estado de São Paulo com mais de 1 milhão e 300 mil votos.

Tiririca e o filhão Tirulipa


Na realidade, Tiririca foi o candidato a deputado que mais votos teve em todos os estados do Brasil.
Tiririca ficou apenas a 200 mil votos de ser o deputado federal mais votado da história, atrás de Enéas Carneiro (já falecido), que em 2002 recebeu 1,5 milhões de votos.


Com Luciano Lopes (Luana do Crato)

Com Shaolin
Tiririca no Fantástico - 1996


1996



Pegadinha com tiririca








Onde Tiririca vai chegar?!?!?! Não se sabe, mas ele já é um vencedor, vencedor da vida!


14 comentários:

  1. Eu conheço os filhos do Tiririca. KKKK! Um se chama Antonio Everardo Mariano da Silva, e a outra é a Florentina Evellyn Mariano da Silva!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    Eles estudam na minha escola, fui descobri isso ontem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os nomes deles nn teem 'Da Silva' nn é apenas Silva.

      Excluir
  2. Eles são engraçados como o pai? rsrs
    :D

    ResponderExcluir
  3. kkk' Anonimo,vc mora em Brasilia?E estuda no Jk?kkk'

    ResponderExcluir
  4. amo muuito a Familia Tiririca !! e agora tbm a #FamiliaTirullipa \o/ amo muuuuito msm. fã de mais... ass :Drê Faifer!

    ResponderExcluir
  5. CLAUDIO ANDRE REBOUÇAS DE OLIVEIRA4 de dezembro de 2012 15:57

    Conhecí o Tiririca em um circo na Praia do Futuro. O nome do Circo era Transberlin Circus. O companheiro de Palco dele era o Adilson.
    Fiquei bastante amigo dele. Eu tinha 7 anos de idade. Quando o circo estava indo embora, ele me presenteou com um muntchaco e um terço para que jamais esquecesse nossa amizade. Desde aquele nunca mais o ví pessoalmente.
    Torço muito por ele e sua família.
    QUE DEUS TE ABENÇOE TIRIRICA!!!

    ResponderExcluir
  6. muito linda a tragetoria, mas muito mesmo,muitas vidas são parecidas com a dele, mas eles não querem aparecer,por medo de coisas ruins que podem acontecer com a familia ex : sequestro, mas é assim viver de bem com a vida e trabalhar muito, e cuidar da familia.
    Tiririca, o brasil te ama.

    ResponderExcluir
  7. Fui na festa de um ano da Florentina no Barreiro MG... como passa rápido... hj já tem 15 anos...

    ResponderExcluir
  8. belo exemplo de vida! ainda tem gente que é presa e diz que o motivo é falta de emprego. o GRANDE tiririca é um maior exemplo de que não precisa fazer ou usar o mau para vencer na vida honestidade é fundamental. Parabéns a mãe do tiririca GUERREIRA e hoje ver seu filho e filho da grande fortaleza e de nosso estado! Parabéns pra você TIRULIPA que seguiu a carreira do PAI!

    ResponderExcluir
  9. o tiririca e um cara ebencoado por deus

    ResponderExcluir
  10. Tiririca , um grande orgulho para nós Cearences.

    ResponderExcluir
  11. acho o tiririca uma pessoa gurreira lutador e por isso que venceu na vida

    ResponderExcluir
  12. meu querido eu votei em voce, já que tudo é uma palhaçada mesmo, mas acredito que voce não deixaria nossos irmão com fome...moro em São Paulo, também e trabalho numa boate gay...A Loca...meu nome è Nagel sou de Aldeota-ce....boa sorte na vida.....

    ResponderExcluir

NOTÍCIAS DA FORTALEZA ANTIGA: