Fortaleza Nobre | Resgatando a Fortaleza antiga : Lojas Paraíso [notification_tip][/notification_tip]
Fortaleza, uma cidade em TrAnSfOrMaÇãO!!!


Blog sobre essa linda cidade, com suas praias maravilhosas, seu povo acolhedor e seus bairros históricos.


domingo, 7 de março de 2010

Lojas Paraíso




As Lojas Paraíso LTDA foi uma rede de lojas de móveis e eletrodomésticos de muito sucesso em Fortaleza/CE tendo como proprietário o Sr. Paulo Fernandes que começou sua vida profissional como representante comercial.

A rede surgiu na primeira metade da década de 80 e sua primeira loja instalou se na Rua Sólon Pinheiro com Duque de Caxias no centro da cidade de Fortaleza.

Crédito da foto - Diário do Nordeste

Inicialmente eram vendidos apenas colchões e logo depois foram introduzidos os móveis e eletrodomésticos, a loja era pequena, mas muito bem localizada e arrumada, o Sr. Paulo ficava sempre a postos em sua mesa para atender os clientes e tinha no crediário seu principal atrativo.

A segunda loja foi montada no centro de Fortaleza em uma das esquinas mais movimentadas em um período que grandes lojas como Romcy e Jumbo Eletro (Antecessor do Hipermercado Extra) estavam deixando o mercado. Paulo Fernandes aproveitou essa oportunidade e começou a montar lojas em pontos antes ocupados por outras lojas de eletrodomésticos.



A empresa de Paulo Fernandes investia muito em marketing, eram páginas inteiras nos jornais anunciando as ofertas de eletroeletrônicos e móveis muitos deles eram coloridos um luxo para a época, seu slogan era “Onde a tentação é o preço” e seu logotipo uma maçã, em 97 a Paraíso chegou aplicar R$ 3,5 milhões em marketing .

Em 1998 a Paraíso possuía 55 pontos de venda no Nordeste, localizados nos estados do Ceará, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte, empregando em torno de mil funcionários além de um amplo centro administrativo e depósito em Parangaba e uma frota de cerca de 40 caminhões para entrega e chegou a comprar o antigo Cine Diogo em Fortaleza onde funciona hoje um Shopping Center do mesmo nome e um prédio com oito andares com várias salas comerciais alugadas, talvez esta compra tenha colaborado para a diminuição do capital de giro da empresa.

Em Fevereiro 1998 as Lojas Paraiso entram com um pedido de concordata preventiva na vara de falências e concordata do fórum de Fortaleza, alegando no pedido que a medida é resultado do baixo fluxo de vendas no varejo, que sofreu uma redução de 60% em janeiro de 98 em relação a 97, das altas taxas de juros cobradas pelos fornecedores, além do elevado índice de inadimplência, em torno de 10%. Na época, o passivo acumulado era de mais de R$ 67 milhões menos de um ano depois, o passivo havia sido reduzido para pouco mais de R$ 29 milhões a Paraíso contava apenas com 18 lojas, em três Estados (Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará) e emprega 400 pessoas.

A falência das Lojas Paraíso, decretada no dia 30 de novembro de 1999 quando vários clientes ficaram sem ter como pagar seus crediários. O síndico da massa falida, Máximo Fortino na época informou que o grande problema da Paraíso na época foi a alta taxa de inadimplência. “A massa falida deve, hoje, menos de R$ 30 milhões. No entanto, tem mais de R$ 42 milhões a receber em pagamentos atrasados, isso sem contar com os imóveis e materiais em estoque pertencente à rede Paraíso”, disse.

Ninguém pode negar que a Paraíso fez história e deixou muitas saudades no comércio de Fortaleza e do Nordeste, pelo estilo de gestão empregado pelo seu controlador Paulo Fernandes, que era facilmente visto no centro de Fortaleza visitando suas lojas e cuidando de detalhes, e pela sua agressiva política de marketing.

Infelizmente o índice de inadimplência e o impasse com fornecedores, como a Gradiente, que atrapalhou a repactuação de prazos de pagamentos com os fornecedores, estão entre os motivos que a levaram a falência.


CréditoPedro Paulo Morales 

  

11 comentários:

  1. gostaria se possivel o Sr. Paulo Fernandes me ligar ainda esta semana
    Att.
    Paulo Garcia
    Tel: (021)8192 5343

    ResponderExcluir
  2. Oi Paulo, esse blog não tem nenhum vínculo com pessoas ligadas a antiga Lojas Paraíso.

    ResponderExcluir
  3. me orgulho de ter conhecido e trabalhado em 04 lojas em natal. tempos bons.gostaria de saber por onde anda o maior gerente de vendas que eu conheci? o Roberinho. um abraço Paulo

    ResponderExcluir
  4. Oi Paulo, obrigada pelo comentário.
    Não sei sobre o Roberinho, mas seria
    interessante se alg tivesse alguma notícia
    sobre o master, mega, hiper, super gerente
    de vendas. :)

    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Eu estagiei lá por quase 2 anos, na loja da B.Hoan em João Pessoa/PB, me lembro que em 1997, a loja teve faturamente de 474 milhões de reais, mas baseava suas vendas, no crediário com cheque predatado (q não dá garantia de nada).

    ResponderExcluir
  6. TRABALHEI NO CENTRO DO RECIFE NA LOJA PARAISO... FOI UMA ÉPOCA INESQUECÍVEL, SALDADES...

    ResponderExcluir
  7. tempos bons... trabalhei 1 ano nas lojas paraíso que ficava no centro do recife-pe, lembro com muita recordação. na quela época ela concorria com as lojas arapuã. era uma disputa acirrada.tempos bons que ñ voltam mais...

    ResponderExcluir
  8. cleilson fernandes8 de novembro de 2012 22:25

    Trabalhei na loja de Mossoró Rio Grande do Norte!
    foi muito bom participar da quela equipe.
    Gostaria de rever a turma novamente.
    Grandes Gerentes Leonardo - hector.
    CLEILSON FERNANDES !Um abraço.

    ResponderExcluir
  9. Railson Lopes (81) 3304-3972. Saudades da equipe de venda, empresa etc. Nossa sra carmo,cine moderno.

    ResponderExcluir
  10. TIVE O PRAZER, SIM O PRAZER E FAZER PARTE DA EQUIPE DO CLEBER NA LOJA DE RECIFE NA MARQUES DO HERVAL, JUNTO COM O VÍTOR E ALGUNS AMIGOS QUE VIERAM DE FORTALEZA PRA DAR TREINAMENTO OPERACIONAL AOS COLEGAS DAQUI, O QUE A PARAÍSO FEZ É O QUE AS CASAS BAHIA FAZEM HOJE.

    ResponderExcluir
  11. Comprei meu primeiro microsystem na loja Paraiso em Recife, da marca Cougar kkkk

    ResponderExcluir

NOTÍCIAS DA FORTALEZA ANTIGA: