Fortaleza, uma cidade em TrAnSfOrMaÇãO!!!


Blog sobre essa linda cidade, com suas praias maravilhosas, seu povo acolhedor e seus bairros históricos.


terça-feira, 16 de agosto de 2011

Colégio 7 de Setembro


Em setembro de 1935, um jovem professor e acadêmico de Direito com apenas 21 anos começou a viver um sonho de educação. Naquele mês, o Professor Edilson Brasil Soárez iniciava sua obra com apenas dois alunos, numa sala cedida pela Igreja Presbiteriana de Fortaleza.
Durante 40 anos, o Dr. Edilson, voltado para seu objetivo maior - preparar para a vida jovens cearenses - buscava os melhores professores, analisava cada detalhe do funcionamento e participava pessoalmente de todos os eventos da Escola. Com esses esforços, passo a passo, organizou o Colégio como um estabelecimento escolar padrão onde seus alunos recebiam uma sólida formação curricular em um ambiente de disciplina e respeito. Em 1946, o Dr. Edilson, então já um dos nomes mais conceituados da Educação do Ceará, com dinamismo e fé em Deus, duas de suas principais características, mudou a sede do Colégio, para a Av. do Imperador, 1330 onde, até hoje, funciona a sede Nila Gomes de Soárez (NGS).

A foto antiga data de 1938 e mostra o prédio que serviu de sede, por muitos anos, ao Colégio Sete de Setembro, na Rua Floriano Peixoto nº 875

Em 1975  faleceu o Dr. Edilson. A sua morte suscitou, além de um grande vazio, uma dúvida: o que aconteceria com o Colégio 7 de Setembro? A resposta não tardou. Sua esposa, Professora Nila Gomes de Soárez, juntamente com seus filhos, Ednilton e Ednilze, entenderam que a maior homenagem a prestar ao inesquecível mestre seria continuar a sua obra. A aliança estabelecida entre a família Soárez, professores e demais colaboradores, em grande parte ex-alunos, foi e continua sendo o ponto-chave que explica o sucesso do 7 de Setembro.
A década de 90 trouxe a expansão da infra-estrutura escolar. Em 1993 foi inaugurada na Aldeota a sede Edilson Brasil Soárez (EBS). Em 1994 decidiu-se pela construção de uma segunda sede no Centro da cidade, denominada Diplomata Ednildo Gomes de Soárez (EGS), onde passaram a funcionar o Ensino Médio e o Pré-Universitário. Em 1998 realizou-se a modernização da sede NGS e a inauguração do Centro de Desenvolvimento Educacional (CDE), em Pajuçara. Em 2000, nasce a FA7 - Faculdade 7 de Setembro, e em 2007 inaugura-se o novo Núcleo Infantil na sede da Aldeota (EBS).


 Sede Avenida Imperador, 1330

Entre 1990 e 2005, a família Soárez, numa demonstração de comprometimento com o ideal dos fundadores, incorporou à equipe gestora Ednilo e Ednísio Gomes de Soárez, filhos de Edilson Brasil Soárez, e Edilson, Alessandra e Henrique, seus netos.



2005 foi um ano marcado por vitórias e também duras perdas. Em julho, a FA7 colou grau das suas primeiras turmas de Pedagogia e Administração. As celebrações dos 70 anos de existência do Colégio 7 de Setembro foram interrompidas quando, num intervalo de 29 dias, faleceram Ednísio, engenheiro responsável, dentre outros, pela construção do CDE, e Nila, principal responsável pela continuação da obra do Dr. Edilson.



Em outubro de 2006, tem início a reescrita do Projeto Político Pedagógico. Sob a orientação da Professora Estrêla Fernandes, a comunidade escolar investiu 2 anos de trabalho para discutir e estabelecer as diretrizes pedagógicas da escola para os próximos anos. Além de escolher rumos para o futuro, a comunidade setembrina emerge, em dezembro de 2008, fortalecida pelos momentos de estudo e entrosamento proporcionados pelos trabalhos de articulação do PPP.


Durante 2008 o Colégio inovou com a introdução do Sistema de Tempo Integral Bilíngue na sede da Aldeota. Neste mesmo ano, a FA7 foi confirmada pelo MEC como a melhor faculdade do Ceará (segundo resultados no ENADE e no IGC), e pode consolidar o Instituto FA7 como referência cearense em estudos da gestão empresarial através de parcerias com o COPPEAD, a PUC-SP, entre outros.

O 7 de Setembro reafirma o ideal de oferecer à sociedade uma educação de qualidade, que forme cidadãos participativos e solidários e que, primordialmente, valorize o potencial de cada um dos seus alunos.
Em 2007 foi criado um núcleo infantil, onde os alunos até o primeiro ano da sede E.B.S. foram transferidos, possuindo fazendinha, mini - cidade, briquedotecas, um pátio para as crianças e um auditório. Também próximo foi instalado um núcleo esportivo, com piscina semi-olímpica e quadra de futebol gramado.

Foto de Zemakila

O Colégio 7 de Setembro teve laços muito fortes com a vida cultural fortalezense e seu próprio fundador, Dr. Edilson Brasil Soárez inseriu a SEMANA DA PÁTRIA NO CEARÁ, onde se comemora o Dia da Independência e o aniversário de fundação da instuição Colégio 7 de Setembro.




Fonte: Site do colégio

5 comentários:

  1. Olá Leila!

    Estava procurando algumas coisas sobre o bairro Parangaba e cai no seu blog! Adorei :)
    E por coincidencia, comento no post do colégio que estudei durante 10 anos! Muitas saudades daquela fardinha!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Oi Cibele, que bom que gostou, fico feliz!

    10 anos é uma vida, deve bater uma saudade
    boa de sentir, né? Eu amo lembrar do colégio que estudei durante 11 anos...tempos bons!!!

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Procurando algo sobre o Colégio 7 de Setembro, cheguei a este Blog. Estudei 08 anos no colegio (1960/1968) e sinto orgulho de ter sido pupilo do saudoso professor Edilson Edilson.Pareabens por seu blog.

    ResponderExcluir
  4. É muito bom saber um pouco mais sobre a história desse colégio, não sei nem oque falar 12 anos estudando nessa instituição e esse ano terminou meu ciclo nesse colégio.
    Já estou sentindo saudades por que desde a alfabetização até o terceiro ano se passaram 12 ano de muita alegria e por incrivel que pareça de muita saudade.

    ResponderExcluir