Fortaleza Nobre | Resgatando a Fortaleza antiga : Ruas de Fortaleza - Mudanças (Av. Alberto Nepomuceno) [notification_tip][/notification_tip]
Fortaleza, uma cidade em TrAnSfOrMaÇãO!!!


Blog sobre essa linda cidade, com suas praias maravilhosas, seu povo acolhedor e seus bairros históricos.


quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Ruas de Fortaleza - Mudanças (Av. Alberto Nepomuceno)


Localizado na Av. Alberto Nepomuceno esta é a imagem lateral do Palacete da Fazenda.

Este é o segundo quarteirão da antiga Avenida Rua da Ponte, depois Avenida Sena Madureira, hoje Avenida Alberto Nepomuceno em foto que data de aproximadamente 1945 e mostra além da avenida com pavimentação de paralelepípedos, os trilhos dos bondes elétricos, da The Ceará Tramway Light and Power Ltda, que transitaram pela cidade de 1913 a 1947. Nesse caso eram os bondes da linha "Prainha". Os carros, tanto automóveis como caminhões mostram os modelos anteriores à época. Muitos dos caminhões - sua maioria - são aproveitamento de automóveis que tinham sua flandagem cortada para colocação de carroçaria de madeira feita em serrarias de Fortaleza.

Os prédios à esquerda, construídos em 1915 pelo comerciante Raimundo da Silva Frota abrigavam várias firmas, sendo que na esquina em frente à Secretaria da Fazenda (Recebedoria do Estado) ficava a firma Leite Barbosa & Companhia, o Sindicato dos estivadores, a Colônia dos Pescadores do Ceará e muitas outras casas do comércio atacadista.

No térreo funcionava a firma V. Castro & Companhia, agentes de navegação.
A Segunda foto, obtida pela objetiva do fotógrafo Osmar Onofre, foi colhida num Domingo, por isto a ausência de carros, mas serve para mostrar como é a parte térrea dos prédios, que não é vista na foto antiga. As árvores desapareceram, existindo hoje apenas duas, plantada depois da derrubada das antigas, pelo tamanho. O governo do Estado, através do decreto nº 20.073, de 8 de maio de 1989, desapropriou os prédios que hoje pertencem à Secretaria da Fazenda, estando preservados embora pintados espalhafatosamente como antigamente não se fazia. Felizmente a segunda fotografia, em virtude da luz, disfarçou as cores.


Saiba mais sobre a Av. Alberto Nepomuceno no post da Secretaria da Fazenda


Fonte: Fortaleza de Ontem e de Hoje e arquivo Nirez

7 comentários:

  1. Oi
    Eu estou em Fortaleza, e não trouxe as poesias que eu fiz para a cidade; eu decorei o primeiro e o segundo capítulo de "Iracema" do José de Alencar, mas não decorei meus próprios poemas,
    Eu procurei um e-mail discreto por aqui para te anunciar minha proximidade na cidade, mas não o encontrei,
    No entanto, não para fazer suspense, mas porque só me lembro uma parte, vou deitar aqui esse trecho da primeira poesia que fiz para Fortaleza, o que vem depois das reticências é mais coração ainda. Não sei se deixarei expectativa de me pedires o restante disso que eu chamo de poesia.

    Aí vai

    Fortaleza tem lugares que não se repetem,
    Revoadas que são sempre um prazer,
    Um romance que nasce de espasmos e distensões sôfregas do abdômen
    Quando se miram olhos em corte, à orilha do mar;
    Quando o jirau de uma bodega,
    Fincada na areia branca, dourada pelo sol
    É mais alegre que o recosto do bureau arcaico da vivenda... ...

    Depois poderei retomar essa poesia e colocá-la, de forma completa.
    Se não houver inconveniente dê-me seu e-mail, e apague trechos domésticos dessa mensagem, deixando só as coisas universais.

    Roberto Cristino

    ResponderExcluir
  2. Meu e-mail é

    donrobertto@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Roberto, meu e-mail é nobremaciel@yahoo.com.br
    eu quero muitoooooo ler por completo essa poesia, que pelo trecho que vc colocou é linda demais, parabéns!

    Abraçossssss

    ResponderExcluir
  4. Leila Nobre. Moro em SP desde 1972. Nasci em Fortaleza, CE, em 1956. Sou neto do Batista da Light (João Batista de Paula) e filho de Luiz Gonzaga Carmo Paula e Nilce Scortecci de Paula (falecidos). Meu avô era o Superintendente da Light (The Ceará Tramway Light and Power Ltd, responsável pelos bondes elétricos...
    Saudações
    João Scortecci / jrspscortecci@scortecci.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi João que interessante, seu avô fez parte da história dos bondes aqui em Fortaleza, que honra!
    Você nunca voltou a terrinha, nem para passear? Venha, tenho certeza que vc encontrará uma Fortaleza bem diferente da de quando vc partiu :D

    Abraços e gostei muito da sua visita, volte sempre!!!

    ResponderExcluir
  6. Leila Nobre. Bom dia!
    Até o final de 2010 visitarei Fortaleza. Eu prometo! Postei no meu site: www.joao.scortecci.nom.br nota sobre o dia em que o meu Avô "Batista da Light" me levou para o meu primeiro café no Abrigo Central (Praça do Ferreira) em 1962. Um abraço.
    João Scortecci

    ResponderExcluir
  7. Preciso ler isso, João! :)
    Venha mesmo, Fortaleza irá lhe surpreender.

    Abraços e que vc faça uma agradável viagem!!!

    ResponderExcluir

NOTÍCIAS DA FORTALEZA ANTIGA: