Fortaleza, uma cidade em TrAnSfOrMaÇãO!!!


Blog sobre essa linda cidade, com suas praias maravilhosas, seu povo acolhedor e seus bairros históricos.


quarta-feira, 21 de abril de 2010

Gentilândia - A Educação


A Gentilândia, como espaço da educação, antecede a instalação da Universidade Federal do Ceará no palacete do Cel. José Gentil.

O Colégio Santa Cecíclia, O Ginásio Americano e o Educandário Padre Anchieta da Prof. Estela, são exemplos contundentes deste cenário, assegurando aos jovens de Fortaleza, educação da mais alta qualidade.

O Colégio Santa Cecília, de propriedade de dona Almerinda Albuquerque, foi inaugurado em 1911.

Posteriormente foi vendido para as Irmãs Damas da Instrução Cristã.Com a desapropriação pela Universidade em 1959 se transferiram para a Av. Vírgílio Távora na Aldeota.

Fotos - Colégio Santa Cecília, 1936 e 1938 Arquivo MIS-SECULT-CE


Depoimento: “As inesquecíveis noites de quermesses e leilões eram os festejos do bairro. Maio era o mês de festa em virtude do novenário que ocorria na Igreja dos Remédios. Havia as quermesses do Colégio Santa Cecília, também muito animadas de onde eu tirei uma rainha para casar em 1962 e a qual continua em minha companhia”. Francisco Jaques Furtado.
O Gentilândia Atlético Clube, o primeiro time de futebol da Gentilândia foi uma iniciativa do Sr. Paulo Araújo em 01 de janeiro de 1934, quando o Gentilândia chegou a disputar o Campeonato da Associação Desportiva Cearense (ADC), mas logo se dissolveu.

Na época estava atrelado ao Clube Social Gentilândia construído pelo Cel. José Gentil, na rua Rodolfo Teófilo, atual Valdery Uchoa. Ele foi por muito tempo o espaço de festas dançantes, de matinais e de pic-nics realizados à sombra das frondosas mangueiras, no parquinho.

Posteriormente, uma outra tentativa de erguer o clube partiu dos membros da Cruzada infantil e da Congregação Mariana da Igreja dos Remédios, com a abertura de um pequeno campo atrás da Casa das Missões, organizada pelo Padre Rafael e pelo Dr. Itamar de Santiago Espíndola.

Faziam parte da Congregação Mariana dos Remédios, os Ciarlinis (Clóvis, Moacir e Orlando, Valmir, Edmar e o Heitor Barroso, o Carlos Fu-Manchu), os Sombras (Antônio e Hugo), Gunther Wirtzbiki, os dois filhos do Dr. Arthur de Carvalho(José Arthur e Betinho), os filhos do Moacir Machado (Valci e o Caubi).

Foto da esq.: O Ginásio Americano funcionou no palacete que pertenceu ao Sr. João gentil. Posteriormente, foi a Escola Doméstica e por último o Colégio Nossa Senhora das Graças, que hoje se localiza no bairro de Fátima. Quando o imóvel foi adquirido pela Universidade Federal do Ceará em 12 de julho de 1958.
Arquivo Nirez, 1947.

Foto da Dir.: Em 19 de Março de 1952 a Escola Industrial (atual Centro de Educação Tecnológica do CearáCEFET), foi instalada em sede própria na av. 13 de maio, onde existia o Campo do Prado.
Arquivo MIS – SECULT - CE, 1952.



Foto da esq.: Portão principal do palacete do Cel. José Gentil, localizado na esquina das avenidas 13 de maio e Universidade, antiga Visconde de Cauípe, durante algum tempo permaneceu como entrada principal da Sede da Reitoria da Universidade Federal do Ceará.
Arquivo Nirez, 1959.




Foto da dir.: Vista aérea da Reitoria da Universidade Federal do Ceará em 03 de outubro de 1959, quando da inauguração da Concha acústica. Nesta foto já é percebida a primeira reforma de ampliação do palacete e a existência de duas vilas, Santa Rita e Santa Luzia, que foram demolidas para a construção da sede do Banco do Brasil.
Arquivo Nirez, 1959.



Fonte: Fortaleza de Ontem e de Hoje/Portal do Ceará

6 comentários:

  1. Oi, Leila...
    "São tantas, as emoções"..quando passeio por aquí,um turbilhão de lembranças agradáveis vem à tona e dá vontade de conpartilhar minhas memórias.
    Alí, pelo inícío dos anos 1950,fui algumas vezes à mansão do Gentil. Meu pai era colega/amigo de um genro dele ( Sr Alberto Costa Souza, casado com Dona Iracema Gentil)...minhas duas irmãs e eu ficávamos brincando nos jardins,
    enquanto papai conversava com o amigo...
    Fico feliz em, ainda, encontrar algumas edificações de minha infância!
    Gosto da "Fortaleza Nobre"
    Parabéns,Leila, por todo esse resgate!

    ResponderExcluir
  2. Oi Lucinha! Eu sempre fico bem feliz quando lhe vejo em meu humilde blog, amo saber e viajar em suas memórias. Sem dúvida a "Fortaleza Nobre" nos enche de saudades.

    Beijossss e um abraço caloroso

    ResponderExcluir
  3. É difícil de acreditar, mas vim morar no "Solar do Benfica" rsrsr...quer nome mais NOBRE? É um edifício (q trocadilho?)que fica na antiga Rua da Cachorra Magra, hoje Marechal Deodoro.
    Nesta mesma rua, no final, havia uma lagoa, Lagoa do Tauape. Junto à lagoa, o sítio de minha tia Luizinha(Luiza de Oliveira Paiva) irmã de minha vozinha Rosa e tamb. irmã de Oliveira Paiva
    o de "Dona Guidinha do Poço"....É amiga, tenho muitas e belas histórias e gosto de te contar...

    Apertado e feliz abraço!

    ResponderExcluir
  4. "Dona Guidinha do poço"...lembrei do livro rs
    Solar do Benfica, chique demais mesmo, esse nome é Nobre indo e voltando rsrs
    Por falar em Rua da Cachorra Magra rsrs lembrei que outro dia entrei num site e estavam fazendo gozações da Av Pessoa Anta, sem nenhuma informação sobre quem foi o 'Pessoa Anta', estavam achando que a placa indicava que as pessoas que por lá passavam eram antas tsc tsc tsc ¬¬ rsrs

    Abraços \O/

    ResponderExcluir
  5. Este "papo" vai longe,amiga nobre (ou nobre amiga!)>>>>>!
    Só pra ilustrar:um velho morador aqui da rua conta que,nesta rua moravam uns ingleses que tinha uma cachorra whitpet(galgo);os carteiros não gostavam e se referiam à rua como a Rua da Cachorra Magra.Eu tive um galgo (morreu há 2 anos)e, passeando com o Billy, uma menininha falou:" papai,essa é que é a cachorra magra?!!!
    No carnaval tem a "Banda da Cachorra Magra"!
    Abraço, Leila!

    ResponderExcluir
  6. rsrsrs acabo de descobrir mais uma novidade rsrs que loucura! :D
    Ah, em sua homenagem estou preparando uma postagem especial sobre Manoel de Oliveira Paiva, estou encantada com tudo que descobri nas pesquisas que estou fazendo :) Na escola eu já havia lido D. Guidinha do poço, inclusive tenho o livro até hoje rsrs e vou ter que lê-lo novamente, com certeza será uma leitura ainda mais significativa e gratificante, agora que estou por dentro de alguns pormenores sobre o assunto rsrs

    Beijos querida

    ResponderExcluir