Fortaleza, uma cidade em TrAnSfOrMaÇãO!!!


Blog sobre essa linda cidade, com suas praias maravilhosas, seu povo acolhedor e seus bairros históricos.


sexta-feira, 23 de julho de 2010

Ensino Mútuo

Em 1828 a Praça do Ferreira era um campo de areia com um pequeno poço no centro, construído pelos flagelados das secas de 1877 a 1879. Foi neste ano que a Junta da Fazenda Nacional tomou a iniciativa de mandar construir uma casa para abrigar a nova aula do Ensino Mútuo de Fortaleza, sendo escolhido o local da esquina da Rua da Alegria (Rua Floriano Peixoto) com travessa 24 de Janeiro (Rua Guilherme Rocha), onde fica hoje o Palacete Ceará. Na época a praça era conhecida por praça das Trincheiras. Mas o local não foi bem aceito pelos componentes da Câmara por vários motivos, entre eles os de ficar longe da cidade e por ser do lado do sol. Mas apesar disto o prédio foi construído ali e foi inaugurado no dia 5 de fevereiro de 1829. Em 1863 houve uma remodelação e em 1890 foi entregue à Guarda Civil para servir de quartel. Em 1897 foi aumentado o prédio pelo lado da atual Rua Guilherme Rocha.

Em 1913 o coronel José Gentil de Carvalho construiu um prédio nos fundos do quartel, permutando pelo prédio da corporação, com o Governo do Estado. Manda demolir o velho prédio e em seu lugar ergue, em 1914, com planta do arquiteto João Sabóia Barbosa, o "Palacete Ceará", construído por Eduardo Pastor. No prédio de trás o "Palacete Fortaleza", passou a funcionar a Chefatura de Policia e depois, quando esta se mudou para a praça dos Voluntários, funcionou ali o "Café Brasil". Em 1946 a Caixa Econômica Federal adquiriu os dois prédios e logo se instalou ali, onde tinha estado por vários anos o Clube Iracema e o "Rottisserie Sportman" de Efrem Gondim.

A porta que vemos à distância fechando a rua na primeira foto, era do Palácio da Luz, então sede do Governo, parcialmente demolido, abriga hoje a Academia Cearense de Letras. Vemos também a copa do "oitizeiro do Rosário". Estão presentes os trilhos dos bondes de tração animal.

A foto nova mostra em substituição ao antigo prédio do Ensino Mútuo, os baixos do Palacete Ceará e do Palacete Fortaleza, com o calçadão da Rua Guilherme Rocha, a pavimentação da Rua Floriano Peixoto, os prédios do Banco de Fortaleza - Banfort, da Caixa Econômica e o Palácio Progresso por trás.

Crédito: Portal do Ceará

3 comentários:

  1. Falar da Praça do Ferreira é sempre bom, seja pra criticar as mudanças, seja pra falar do Leão do Sul, do poeta Mário Gomes, do Abrigo Central, dos bancos dos aposentados,da banca do Bodinho...
    ....É sempre muito bom,falar da Prç. do Ferreira!

    Já tinha lido sobre o Ensino Mútuo, mas nunca tinha visto onde funcionra.Era bonita, a casa, mas o prédio que a substituiu, é belíssimo!

    Um beijo, Leila!

    ResponderExcluir
  2. Esse prédio é imponente mesmo, belíssimo!
    Eu gosto muito de toda a história da Praça, é tudo muito interessante, a vaia ao sol, o cajueiro da mentira, a reunião dos membros da Padaria Espiritual, o bode que veio junto com os retirantes da seca, o ioiô...

    Lindo final de semana, Lucinha!

    ResponderExcluir
  3. ....é a esquina do pecado, é a lembrança do Cine Moderno, onde assistí a muitas chanchadas da Atlântica,....é coisa que não acaba mais e me enchem de deliciosa saudade...

    Obrigada, Leila,
    pra vc também!!!

    ResponderExcluir